Enem, venha que eu quero lhe usar

22/10/2014

Já prestei Enem duas vezes. Nas duas, minhas notas foram meio sem noção. Achei que tinha feito uma puta redação, daquelas que a ONU usaria como exemplo, tamanha a minha persuasão ao sugerir uma proposta de intervenção social. 640 nas duas... e eu jogada no chão do banheiro, ouvindo Kelly Clarkson.

Depois dessas experiências, notei que não tenho que me preocupar com essa prova. Ela é mal formulada, calcula nossas médias de uma forma totalmente profética. Eu mesma desisti de tentar entender como as notas são calculadas e desisti mais ainda de tentar compreender como um ser humano alcança 913 para Medicina na UFSCAR, por exemplo. Parece que o presidente do MEC coordena um bingo, no qual ele tira uma bolinha e, olhando pra mim, diz: "Ciências da Natureza e suas tecnologias, nota 450".

No entanto, é através do Sr. Enemzinho que conseguirei entrar na UFOP (federal de Ouro Preto), que é uma das minhas opções pra estudar Jornalismo. Tô apaixonada por essa cidade e por tudo o que eu ouvi falar sobre o curso. Por ela eu enfrento esse Enem e sambo na cara dele. 


Tô desde janeiro com o Diário de Estudante e hoje, como acordei inspirada pra estudar, aproveitei meu horário de almoço pra postar aqui, tipo um #diáriodeestudantebônus. 

Faltam quase duas semanas pras provas e eu voltei a estudar com vontade. Notei, nesse ano todo estudando praticamente por minha conta, que algumas medidas podem ajudar a gente a ficar um pouquinho mais preparado. Se você não estudou nada o ano todo, não compensa muito seguir essas dicas (vale mais a pena prestar pra ver como é a prova mesmo). Mas se você estudou, vem comigo. 

1) Anote os dias das provas e cole na parede. 
Não só as do Enem, mas de outros vestibulares que for prestar. Anota numa folha os dias e o que vai ser cobrado em cada um deles. Parece besteira, mas isso deixa a gente mais organizado, mais focado.

2) Priorize os exercícios. 
É clichê, eu sei, mas pegar provas anteiores é uma dica de ouro. Não precisa nem separar 5 ou 6 horas do dia pra fazer a prova direto, como um simulado. Você pode apenas separar alguns exercícios e tentar resolver. Estudar baseando-se em exercícios é bem mais prático e te direciona melhor, já que tem um monte de coisa pra absorver. 

3) Organize  os horários.
Clichê também, mas só aprendi agora, em outubro. Dá certo comigo estudar 1h, parar 15 minutos, estudar 1h e assim sucessivamente. É interessante alternar os assuntos, mesmo que não tenha terminado o anterior. 

4) Foco nas específicas e nas dificuldades.
Não vai dar tempo de ver tudo, face it! Vou prestar Jornalismo, então anotei os temas de História que eu ainda não tinha visto pra estudar nesses últimos dias. Como Física e Química são matérias que, geralmente, acerto poucas questões nos simulados, peguei firme nos exercícios dessas matérias. Anota o que falta estudar nas suas específicas e nas matérias que você acha mais difícil. Vídeo aulas são uma boa opção de estudo.

5) Não faz a drama queen.
Nem vem com esse desespero pra cima de mim, honey. Keep Calm. Sério, não começa a chamar a atenção dos amigos, da família, do cachorro, pára. Ninguém merece aguentar seu stress. Se acalma, toma um suco de laranja, um chá de camomila. Se você tá se achando meio pressionado com a proximidade das provas, fica na sua, estuda no seu quarto. Se for pra sair um pouco de casa, não começa a falar de vestibular com as pessoas (principalmente se elas não forem prestar). É chato, cara. 

6) Prefira rolês mais tranquilos.
Passei o ano me divertindo muito, além de estudar. Cheguei em casa de manhã, dormi em pedra, ronquei no travesseiro de amigos, mas agora eu prefiro sair pra rolês mais de boa. Sabe, ver filme, fazer um jantarzinho maneiro, ir numa festa que não acabe tão tarde. Tudo pra voltar com tudo no dia seguinte, aos estudos, em vez de dormir até as 15h e ficar quebrado. 


Todas essas dicas foram baseadas na minha experiência. Espero que ajude vocês também!



Você poderá gostar também:

6 comentário (s)

  1. hasuahsahs esse ano será meu primeiro enem e... eu estou tranquila, sei que me darei mal - eita que ânimo ne kkkk ~mas é por que é o meu primeiro enem e acho que seria muito extraordinário se eu passasse no que eu quero ~biologia ~, mas tipo assim, eu sei que as questões de matemática são calculadas assim, são 45 questões, dessas 45 tem 5 alternativas ~ a b c d e ~ e eles dão um ponto (exemplo) questão certa vale 3 questão meio certa vale 2.5 questão um pouco certa 2 e assim vai, meu prof que dá aula de enem ele disse que, no caso da matemática eles não dão zero se vc errar a questão, mas eles analisam, se vc chutar, pq, se vc acertar os cálculos mais difíceis e errar as mais fáceis logo, eles saberão que vc chutou, e assim vc perde ponto :c eu só sei da área de matemática, as outras nem me pergunte kkkkkkkk
    Mas as suas dicas são boas, principalmente a de se organizar e pegar leve com os rôles, por que assim você fica com mais disposição

    visita se quiser :3 inocentementeingenua.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. oloco, é mais fácil resolver exercício de trigonometria do ITA do que entender esses cálculos hahahaha obrigada <3

      Excluir
  2. Em janeiro eu achei que esse seria o ~ano da minha vida~, estava disposta a estudar muito e passar de primeira, mas não contava com alguns probleminhas 1) terceiro ano é muito chato, e peguei os professores mais pressionadores e passadores de trabalhos enormes da vida 2) sempre fui "boa aluna" mas nunca me dediquei muito, e dai estudei tanto pra escola que ficava com muita preguiça de pegar materias pro vestibular 3) mamãe disse que eu não mudaria de cidade e to decidida a fazer federal, seja juiz de fora, seja rio, nada de particular 4) teria que trabalhar. E dai vi meu sonho dando tchauzinho na janela do onibus.
    Não desisti de passar em uma universidade, só acho que não é meu momento ainda, vou fazer enem, igual ano passado, fingindo que é so mais uma provinha, até porque não me dediquei muito pro estudo, e ainda to achando que meu 920 da redação no ano passado foi pura sorte.
    Mas, to com planos pro ano que vem, infelizmente vou ter que trabalhar #chorando, mas quero estudar, quero me dedicar a mim,e quero passar e poder ir pra universidade que eu quiser.
    ~momento desabafo off
    Boa sorte pra ti, Manie! Depois que entrar na facul continue fazendo posts sobre o assunto, também quero cursar jornalismo, e amo ler seus posts!!
    beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. estudar no terceiro ano pro vestibular é muito complicado, Larissa, principalmente se você estuda numa escola que passe muitos trabalhos e que exija muito de você... ia ser muito mais legal se a escola realmente incentivasse os alunos nas áreas que eles gostam, sabe? ia ser perfeito uma reforma nos métodos do ensino médio... na minha escola, tinha professores que se preocupavam mais se eu tinha ou não copiado os enunciados, do que se eu realmente tinha alguma dúvida.

      mesmo tendo que trabalhar, procura sempre reservar um tempinho pra estudar.
      não sugiro que faça cursinho, porque vai tomar muito seu tempo e não vai sobrar tempo pra você resolver os exercícios... sabe de uma boa? abre uma continha no descomplica (sabe qual é, né? o site). to usando o login da minha amiga, que disse que paga suuuuper baratinho (tipo, acho que eh menos de 20 reais por mês, ou menos de 10, não lembro).
      as aulas são muito boas, objetivas e eles abordam os temas principais.

      ps: guarda uma grana do que você trabalhar. abre uma poupança. tendo o ano todo pra trabalhar/estudar, até dezembro de 2015 você consegue os suficiente pra sair de casa.


      Excluir
  3. Prestei Enem três vezes e sempre achei a prova muito estranha, sem contar que ela é chata demais. ): Eu sempre fui bem em redação, mas na segunda vez que eu fiz a prova eu tirei uma nota bem baixa, achei um absurdo. Porém, depois de um tempo eu descobri o motivo: você não pode de jeito nenhum criticar o governo ou algo assim na redação. Esse foi o meu erro e minha professora (que corrigi as redações do Enem) garantiu que os professores são "incentivados" a dar uma nota melhor para redações assim. Ridículo.

    Se existe uma coisa que eu nunca mais quero fazer na minha vida é Enem, até hoje tenho pesadelos com aquelas provas de matemática e química HAUAHAU

    http://minhafernweh.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. não tenha pesadelos com o Enemmm, ele não merece tanto espaço assim nos seu sono, Carol!
      essas paradas de redação também são muito bizarras... o jeito é escrever e torcer pra pegar um professor de buenas pra corrigi-la, que te de a nota que precisa.

      Excluir