As Vantagens de Ser Invisível (livro e filme)

24/09/2013


Querido amigo,
Terminei de ler "O sol nasce para todos". Agora é meu livro favorito, mas sempre acho que um livro é meu favorito até eu ler outro (...).


Minha amiguinha Mari me emprestou esse livro, cuja história eu já tava há tempos doida pra ler. Vocês já leram?

Em As Vantagens de Ser Invisível, nosso narrador-personagem é o Charlie, um garoto solitário que está sambando de desespero nas vésperas do seu primeiro dia de aula no ensino médio. Considerando-se incapaz de fazer amigos, ele mergulha nesse novo mundo estudantil e se surpreende: conhece Sam e Patrick, veteranos muito divertidos do seu colégio.


Com seu jeito tímido e engraçado, Charlie conquista cada vez mais o coração dos dois novos amigos, formando um laço muito forte com eles.O título do livro se dá justamente pelo fato de ele não tentar ser alguém que não é, já que é com seu modo introspectivo de ser que começa a cativar as pessoas. Afinal, há muita vantagem em ser invisível.

As primeiras páginas não foram tão legais e eu cogitei a possibilidade de parar de ler. Porém, mantive firme minha vontade de terminar a história e continuei lendo, o que me mostrou que o livro é muito melhor do que eu pensava. A visão divertida e realista com que Charlie nos narra seus dias, através de cartas a um desconhecido, nos faz entrar na história como se fôssemos realmente personagens dela.


Li o livro quase todo de uma vez, voltando de uma viagem, porque não conseguia parar de virar as páginas. É lindo, gente, não estou mentindo. A gente fica com cara de paisagem quando acaba, porque poxa, não deveria ter acabado. Deveria ser um livro eterno.


Meu perfil no SKOOB


O filme não me decepcionou, talvez pelo diretor ter sido a mesma pessoa que escreveu a história. Claro que não deu pra adaptar todas as cenas escritas para a telinha, mas a seleção escolhida foi muito bem feita. Talvez, o espectador fique com algumas dúvidas no final do filme, dúvidas essas que o leitor, por exemplo, já não teria. Mas, mesmo assim, a adaptação foi incrível.

A escolha das personagens foi maravilhosa. Eu já havia visto as três principais (Charlie, Sam e Patrick) na capa do livro, então foram esses rostos que preencheram minha mente enquanto lia. Apesar disso, adorei ver todos eles criarem vida, se mexerem e falarem fora da minha cabeça, sabe? Como se fossem realmente de verdade.


Você já se sentiu infinito? Sabe, como se o mundo pudesse acabar naquele momento? Ou, talvez, como se o mundo não devesse acabar para que você pudesse realizar mais momentos como aquele? Pois é, Charlie nos mostra, tanto nas páginas como na telinha, que todos nós temos um momento assim na vida. Nós podemos ser heróis, já dizia David Bowie. 

(Heroes, música que faz parte da trilha sonora do filme)


TRAILER:


Meu perfil no FILMOW

Manie
Estudante de jornalismo, escritora por amor e professora nas horas vagas. Tenho 22 anos, moro em Floripa com meu companheiro e tento ver graça nas coisas simples do dia-a-dia.

Você poderá gostar também:

10 comentário (s)