Não me abandone jamais

01/08/2013


Eu conheci Não Me Abandone Jamais (Never Let Me Go) através da adaptação em filme, em 2011, por sugestão de duas amigas minhas. Assisti e me apaixonei pela história, então fiquei um tempão procurando o livro nas livrarias aqui em Santos, mas não achei. 

Foi aí que conheci a Avenida Paulista e fiz questão de entrar na livraria Cultura com meus amigos. Meus olhinhos nem acreditaram quando achei o livro na versão original por 19,90. Cara, no site de algumas livrarias ele custa quase 100 reais! Sambei de felicidade na livraria, claro. 


O livro, como de costume, é bem mais detalhado e contém muitas passagens que o filme não adaptou, mas gostei muito tanto de ler como de assistir. 

Kathy H, narrando o livro aos 31 anos de idade, conta pra gente a história que ela viveu com seus dois amigos Ruth e Tommy, em Hailsham, um internato londrino. Lá, os alunos são vistos como especiais e é justamente o motivo de eles serem especiais que vocês devem descobrir lendo o livro! Eu acho esse ponto fundamental para criar aquele sentimento de 'COMO ASSIM?' em vocês, enquanto estiverem lendo.


Se fosse pra associar a história a uma palavra, eu diria: triste. É aquele tipo de livro que nos deixa com o coração apertado em uma porção de cenas, pra gente ficar com vontade de invadir as páginas e falar "não faz isso!" ou "faz isso!", sabe? Além disso, trata-se de uma distopia, que pelo o que eu aprendi, é uma utopia do avesso, onde uma minoria exerce poder sobre outra que, submetida muitas vezes sem uma explicação racional, obedece às ordens impostas. 

O livro me fez refletir na questão da humanidade. O que é mais importante: sobreviver às doenças físicas ou emocionais? Ser humano é aquele que come, dorme, ama, estuda? O que faz eu, você e todo mundo ser humano

Confira a resenha do filme AQUI.

Alguém aí conhece a história?

Meu perfil no SKOOB

Você poderá gostar também:

20 comentário (s)

  1. sem duvida um dos melhores filmes que ja vi

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. sim! obrigada por sugerir pra mim *-*

      Excluir
  2. Ah, o Conjunto Nacional! Meu lugar preferido no mundo há muito tempo hein, amo esse lugar mais que tudoooo! Adorei as fotos, e eu nunca li esse livro :/ Beijosss
    http://oblogdamandi.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. aaah, eu surtei foi na livraria!! obrigada pela visita, Amanda!

      Excluir
  3. "trata-se de uma distopia, que pelo o que eu aprendi, é uma utopia do avesso" Adorei essa definição. Anotarei na minha agenda.
    Menina, quando você fala de Santos já me vem de imediato a música Estrada de Santos do Roberto Carlos. VOu até por pra ouvir agora.
    http://triplobooks.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. nossa, que legal que gostou a minha definição! me enrolei toda pra poder entender, mas no final consegui captar a informação haha

      hahahahahahaha pelo menos você não lembra do Charlie Brown, né? todo mundo fala disso quando falo que sou de Santos.

      beijinhos!!

      Excluir
  4. Aawwwwnnnn que lindo. Livros novos, amigos velhos, felicidades, momentos bons. Que lindo. <333

    http://acessopermitidoblog.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  5. São Paulo *u* Nunca li esse livro .-. . Beijos meu anjo fique com DEUS♥

    http://feriasemparis.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. leia, Tatáh, é lindo! dei cinco estrelas çç

      beijinhos!! (:

      Excluir
  6. Oi linda!
    Obrigada pelo carinho :)
    Não sei ainda quando vou reabrir as inscrições para o projeto Felicidade Pelo Correio, fique atenta que assim que abrir posto lá no blog!

    Ah... tem um desafio pro leitor lá no blog, participa! *-*

    beijo beijo

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. ahhh, pode deixar, Nanda, ficarei de olho ^_^

      obrigada pela visitinha (: beijinhos!

      Excluir
  7. Ai, que legal! Quero ler. Adorei as fotos. E estou adorando a originalidade das tuas postagens. Muito bom mesmo.

    www.caferesia.com.br

    ResponderExcluir
  8. Caramba, que post legal! As fotos são lindas e a capa desse livro, então? :O Ah! Eu amo a paulista. É um dos meus lugares favoritos em SP <3 Acabei de lembrar que faz tempo que eu não comento aqui, né? Preciso passar por aqui mais vezes!

    Só pra lembrar: adoro o blog hhaahaha.

    Raí ~ raiwrites.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. obrigada, Raí *-*

      a paulista é bacana, mas achei que era bem maior... e mais iluminada! haha

      Excluir
  9. Um dos meus filmes preferidos da vida, chorei que nem uma desgraçada com esse final gente! Sou loca por esse livro!!! Na livraria tinha ele traduzido ou só em inglês? Beijoss, cada dia mais apaixonada pelo teu blog! :)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. hahahaha eu também! é lindo demais <3
      na livraria cultura eu só achei em inglês, mas com certeza tinha em português, eu é que não devo ter procurado direito!

      obrigada, Kidauane! XD

      Excluir
  10. São Paulo é lindo.
    Eu, que mor aqui, tenho que tomar vergonha na cara e ir logo na Livraria Cultura da Paulista. Acredita que nunca fui? passei em frente várias vezes, mas entrar que é bom nada. Mas também, entrar sem dinheiro é pedir para sofrer.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. nossa, dá vontade de morar lá dentro hahahaha é lindo, vá quando você puder! mesmo sem dinheiro, sabe. eu tava com 20 reais no bolso e tive sorte de achar um livro que eu queria ler por esse preço.
      mas só de estar lá já é mágico <3

      Excluir